sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Bahia:Policiais decretam estado de mobilização.

Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008

Policiais decretam estado de mobilização



Por Silvana Blesa


Policiais civis e militares decretaram estado de mobilização permanente enquanto elaboram o documento que será entregue ao governador Jaques Wagner na próxima segunda-feira. A categoria se reuniu em assembléia na manhã de ontem, na Associação dos Funcionários Públicos do Estado da Bahia (Asfeb), na Avenida Carlos Gomes.
De acordo com o presidente da Associação de Policiais Militares, Marco Prisco, a categoria reivindica que o Estado tome medidas drásticas com relação ao aumento da violência contra a classe e principalmente das 31 mortes de PMs e civis em todo o Estado e que até agora nenhuma providência foi tomada por parte do governo.
Prisco revelou que na próxima quarta-feira, os policiais voltam a se reunir para avaliar os resultados obtidos com a entrega do documento ao governador e decidir os rumos das manifestações. Se nenhuma providência for tomada até o prazo estipulado pela categoria, diz ele, os agentes irão cruzar os braços e entrar em greve.
“Não queremos que as coisas se caminhem para esse lado, mas é o nosso último recurso, caso não haja providências”, disse Prisco alertando a população para uma possível greve de PMs e civis.
Uma nova assembléia está marcada para a próxima semana, e será realizada em frente à Assembléia Legislativa do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), quandoeles vão decidir as providências a serem tomadas.


Parentes atribuem morte de jovem a PMs e protestam


Faixas, cartazes, pneus queimados e pistas interditadas. Este foi o cenário visto por quem passava pela Avenida Suburbana, nas proximidades de Plataforma, ontem pela manhã. Os manifestantes protestavam contra a morte de Joceni Ramos Santos, um jovem de 19 anos, na madrugada da última quinta-feira. Segundo testemunhas e moradores do local, o rapaz teria sido morto por soldados da PM, da companhia da caatinga. Muito nervoso, Josué dos Santos, pai da vítima, disse que não entende o motivo da morte do filho. “Ele não era envolvido com drogas e trabalhava num abatedouro de galinhas havia nove meses”, disse.
De acordo com os vizinhos e amigos de Joceni, ele saiu de casa durante a madrugada porque teve uma discussão com a esposa. “Ele brigou com a mulher e foi bater perna na rua quando policiais chegaram e o abordaram. Joceni tentou correr, mas foi baleado em várias partes do corpo “, disse uma testemunha que não quis se identificar. Os policiais perseguiam dois homens que estavam em uma moto e que fugiram deixando o veículo próximo ao local onde Joceni havia se sentado “para esfriar a cabeça”.
O pai de Joceni ainda afirmou que os policiais teriam confundido ele com algum criminoso devido ao horário em que ele estava na rua. “Meu filho estava no dia errado, no local errado e na hora errada”., declarou.
Luciano Santos, amigo e vizinho de Joceni, reclama da violência no bairro. “Joceni não é a primeira, nem será a última vítima da agressão policial. Ele era jovem, preto e pobre, por isso que foi morto de uma maneira tão horrível como se fosse um animal”, concluiu.
]Osvaldino dos Santos, de 40 anos, foi executado na manhã de ontem com um tiro no rosto, na Rua Major Pinheiro, Capelinha de São Caetano. Ele estava na casa de uma amiga de prenome Eliete com outro rapaz que não foi identificado, quando um homem entrou na residência e efetuou o disparo. De acordo com Joaquim dos Santos, irmão da vítima, ele era homossexual e trabalhava como cabeleireiro e cozinheiro. “Ele era muito querido no bairro. Não temos suspeitas de quem poderia ter cometido esse crime.”, disse.
O irmão da vítima disse que os vizinhos comentam que Osvaldino teria um relacionamento com o marido de Eliete, mas não soube dizer se o crime teria relação com esse caso. “Muita gente sabe disso, mas não posso afirmar nada. Tudo indica que o crime foi encomendado. Meu cunhado é policial e vai nos ajudar a investigar o caso“, concluiu.
Um homem ainda não identificado, de idade aproximada, 30 anos, foi encontrado morto no final da manhã de ontem na cidade de Candeias, Região Metropolitana de Salvador. Segundo informações da 20ª Delegacia de Polícia (Candeias), o homem apresenta diversas marcas de tiro e foi abandonado pelos marginais numa vala da rotatória da via Mutuí, na entrada do município.
Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica foi enviada ao local para fazer a perícia e tentar identificar as circunstâncias do homicídio, mas nada foi esclarecido por parte da polícia.


Desbaratada quadrilha que agia com violência no subúrbio


Ex-namorada do traficante “Buda”, morto há dois meses, identificada como Jenifer Alcântara Ferreira de Souza, de 19 anos, foi presa na manhã de ontem, com três rapazes e dois adolescentes de 16 e 17 anos, num barraco em Colinas de Periperi. Ronaldo Reis Silva Matos, 18 anos,o “Careca”; Davdson da Guarda Santos, “Dequinho”, 20 anos e Adnael Leite Neves Santos, 18 anos estavam de posse de dois revólveres, 87 pedras de crack, balança de precisão e a chave de um Fiat Strada prata, tomado de assalto no início do mês no bairro de Ilha Amarela. De acordo com o titular da 5ª delegacia, Deraldo Damasceno, a quadrilha seria responsável por vários assaltos a mão armada, roubo de veículos e tráfico de drogas.
A denúncia de que um veículo Fiat Strada de cor prata roubado estaria abandonado em Colinas de Periperi chegou a Damasceno quando ele se deslocava para a delegacia no início da manhã. Acionada, a equipe de investigação da 5ª DP promoveu uma varredura pela região descobrindo num barraco na Rua 13 de Maio o grupo em flagrante consumo de drogas. No final da tarde os dois menores de 16 e 17 anos apreendidos seguiram para a Delegacia do Adolescente Infrator (DAÍ).
Todos os presos foram reconhecidos pelo dono do carro roubado e por outras vítimas de assaltos cometidos pelos acusados na região.
Duas mulheres donas de uma lan house no bairro de Itacaranha roubada pelo grupo informaram que reconheceram os detidos e que dois deles tentaram violentá-la.
Há também a informação de que os jovens teriam assaltado um supermercado do bairro. (Por Maria Célia Vieira)






© Todos os direitos reservados a Tribuna da Bahia.

Um comentário:

  1. Dica de leitura...Textos ácidos e sarcásticos, pra quem quer ficar por dentro dos assuntos políticos e acontecimentos atuais de forma leve.

    www.mosaicodelama.blogspot.com

    Boa leitura!

    ResponderExcluir

Você é livre para oferecer a sua opinião.